Pesquisa divulgada na madrugada desta sexta-feira pelo Datafolha mostra que a candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, ampliou sua vantagem no primeiro turno da eleição sobre Marina Silva (PSB). Dilma oscilou para 37%, ante 36% na pesquisa anterior, enquanto Marina recuou para 30%, em relação aos 33% do levantamento antecedente. Aécio Neves (PSDB) oscilou de 15% para 17%. ...
Candidata do PP se manteve estável em comparação com o levantamento anterior, enquanto Tarso aparece com um ponto percentual a menos. A candidata do PP ao governo do Rio Grande do Sul, Ana Amélia Lemos, aparece 10 pontos percentuais à frente de Tarso Genro (PT) na pesquisa do Datafolha divulgada na tarde desta quinta-feira (veja gráfico abaixo). Enquanto a senadora se manteve com os mesmos 37% do levantamento anterior, Tarso passou de 28% para 27% das intenções de voto. Essa oscilação, porém, está dentro da margem de erro da pesquisa — de trê...
O candidatoAécio Neves (PSDB) subiu quatro pontos percentuais na última pesquisa eleitoral realizada pelo Ibope, passando de 15% para 19% das intenções de voto no primeiro turno. Já a presidente Dilma Rousseff (PT) e a candidataMarina Silva (PSB) recuaram. A presidente caiu de 39% para 36% e a adversária de 31% para 30%. O levantamento foi divulgado nesta terça-feira pelo Estadão e pelo Jornal Nacional. Em uma simulação de segundo turno entre as mulheres, persiste o empate técnico: Marina aparece com 43% e Dilma com 40%. No l...


SECEFERGS, convoca Assembleia Geral com trabalhadores do SC Internacional para dia 26/09.
               Edital de Convocação   O Presidente do Sindicato dos Empregados em Clubes Esportivos e em Federações Esportivas e dos Trabalhadores em Bingos e em Empresas que prestam serviços a Clubes Esportivos e em Federações Esportivas no Estado do Rio Grande do Sul – SECEFERGS convoca  os trabalhadores do SC Internacional, de Porto Alegre, para a Assembleia Geral Extraordinária à realizar-se dia 26/09/2014, às 10H00 no Ginásio Gigantinho e as 15H00 no CT de Alvorada para  apreciar e decidir a proposta de Acordo Coletivo de Trabalho para o período de 2014/2016...

TJ/SP revoga decisão dos Cartórios em não registrar atas com mandado superior a 3 anos.
O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo acatou pedido da União Geral dos Trabalhadores (UGT) e da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e reformulou decisão dos Cartórios de Registros de Documentos de São Paulo, que exigia constar mandato de três anos para registar atas de entidades sindicais. A decisão, em sentença, foi proferida pelo Corregedor Geral da Justiça, desembargador Hamilton Elliot Akel. Em documento de nove páginas o desembargador afirma que é "entendimento do Conselho Superior de Magistratura como desta Corregedoria Geral da Justiça, que o registro de entidades sindicais deve ser feito no Cartório de Registro de Pessoas Jur&ia...