Em seu segundo e último dia, o “IV Seminário 1 de Maio – Os dez anos de luta da UGT e os desafios para superar a crise política e econômica do Brasil” promoveu debates em torno das reformas de que o Brasil precisa para retomar o crescimento e gerar emprego e sobre a autorreforma e constituinte sindical. Cassia Bufelli, secretária adjunta da Mulher da UGT, reiterou que “não precisamos a...
Em comemoração aos 10 anos da União Geral dos Trabalhadores (UGT) e em homenagem ao Dia Internacional do Trabalhador, a Central abriu oficialmente seu IV Seminário 1° de Maio: Os desafios para superar a crise política e econômica do Brasil. O evento, que acontece em São Paulo, nos dias 24 e 25 de abril, conta com a presença de Ricardo Patah, presidente da UGT; dos vice-presidentes Roberto Santiago, Roberto de Lucena e Antônio Salim dos Reis; além de dirigentes ugetistas de várias secretarias e Estados da federação, sindicalistas de diversas centrais e...
O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, afirmou nesta sexta-feira, dia 21, que pontos polêmicos que não foram acertados nas reuniões com sindicatos dos empregados e de empregadores serão vetados da proposta de reforma trabalhista. Em entrevista ao Gaúcha Atualidade, o ministro destacou que o fortalecimento dos sindicatos passa necessariamente pela contribuição sindical. "Um sindicato sem contribuição não consegue se estruturar para representar a categoria. É por esse motivo que defendemos a manutenção da contribuição sindical por parte ...


Avenida Paulista será galeria de exposição sobre os 17 objetivos para transformar o mundo
No dia 23 de abril, na Av. Paulista, maior polo econômico e cultural de São Paulo, será inaugurada a exposição fotográfica “UGT 10 anos: 17 objetivos para mudar o mundo”. Este será o pontapé inicial da celebração da União Geral dos Trabalhadores pelo 1º de Maio – Dia do Trabalhador. A exposição – que conta com a parceria da ONU (Organização das Nações Unidas), por meio do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) Brasil, e da OIT (Organização Internacional do Trabalho) – trará painéis gigantes com fotos que retratam os...

Governo acena com cargos para aprovar reforma, acusa sindicalista
Na busca de alinhamento para as votações das reformas Trabalhista e da Previdência, o presidente Michel Temer está disposto a ceder cargos a aliados. O chefe do executivo determinou que sejam feitas as nomeações de cargos para deputados da base aliada em troca de votos favoráveis. Parlamentares contrários ao projeto fizeram indicações para órgãos do governo, mas ainda não foram atendidos. Com oito ministros na mira da Lava Jato e pressionado por crescentes manifestações do movimento social, como a greve geral marcada para 28 de abril, Temer quer acelerar o processo de votação dos projetos do executivo. Noi dia 18 de abril, o P...